Muito além do que Freud explica: a CONFIANÇA.

A confiança é fator necessário para uma relação amorosa saudável.

8550838313_988bb45500

A confiança é fator necessário para uma relação amorosa saudável.

Aprendemos a confiar na mais tenra infância com nossas mães, quando bem amparadas pelos nossos pais.
Quando tudo correu bem lá no comecinho da vida, chegamos na vida adulta com nossa confiança básica bem desenvolvida.
Claro, que outras conquistas também contribuem para isso e se somam aqui, mas, agora não cabe na discussão deste artigo.
O adulto com auto confiança sabe de si, de suas capacidades, de seus limites, se respeita e sabe como fazer para que tudo se encaminhe a contento em sua vida. Sabe resolver problemas quando eles ocorrem, sem se culpar e achar que é tudo por sua causa, ou se vitimizar e sentir que ninguém gosta dele, por exemplo.
Mas de volta ao nosso interesse, da confiança nos relacionamentos, podemos ver que:
* Alguns casais não conseguem essa estabilidade através da confiança e passam a vida encenando cenas de ciúmes. O ciúme pode até  apimentar a relação, mas por vezes acaba, de modo trágico, inviabilizando o próprio relacionamento.
*  Muitos vivem sempre inseguros do amor do outro.
*  Existem pessoas com tantas dificuldades que nem conseguem se relacionar.

Mas como é que se estabelece a confiança em um relacionamento?
Em primeiro lugar é preciso que as pessoas que se relacionam já venham para a relação com a sua própria auto confiança estabelecida.
Caso isto não esteja bem resolvido, o bom é que se busque uma ajuda psicológica ou de qualquer outro tipo que seja eficiente e promova a reconstrução, ou a construção da confiança básica.
Buscar no companheiro que ele faça isso por você costuma ser um dos motivos do naufrágio de muitas relações.

Como construir a confiança na relação amorosa?
O dia a dia da relação é que vai levar a esse crescimento da confiança.
O conhecimento de um pelo outro, o saber onde e quando encontrar a pessoa, não deixar inseguranças, não surpreender de modo negativo com mágoas e desconfianças.
Eu costumo dizer que a rotina é o que dá  confiança e, portanto,  segurança nas relações.
Estranho né? Todos os casais procuram ou sonham em sair da rotina.
Vez ou outra , como nas férias isso pode ser muito bom. Mas já pensou se o seu marido ou companheiro não chega no horário de costume em casa? Ou se simplesmente não volta para casa e nem avisa?
Claro que num relacionamento, de forma inevitável, ocorrerão mágoas,  que poderão ser sanadas com pedidos de desculpas e buscas de reparação dos erros cometidos. E isso não deve ser suficiente para abalar a confiança. Não há como não frustrar o outro vez de vez em quando. Somos seres limitados. E saber disso e aceitar é demonstração de auto confiança.
Enfim, quando existe confiança na relação amorosa, como ingrediente do afeto, já temos meio caminho andado para o sucesso da relação.
Outros ingredientes também contribuem, é claro. Mas ficarão para uma próxima vez. Até lá.

Sou Psicanalista! Estudei no Centro Winnicott de São Paulo e fiz um longo percurso de estudos até chegar a completar minha formação como psi. Hoje atendo adultos e oriento pais. Além disso vez outra escrevo sobre tudo isso, mas não me considero escritora, apenas utilizo mais essa forma de comunicar com o público. Atendo nos jardins na rua Caconde 172! Meu email: lolasarmento@ gmail.com