O Facebook me perguntou como me sinto hoje...

Sinto que não me falta amor, me falta amar, o que é bem diferente...

personally-posed-hair
visualhunt.com

O Facebook me perguntou como me sinto hoje…

Sinto que minha vontade de viver é enorme…

Que entre um soluço e outro encontro sempre uma boa piada…

Sinto que não me falta amor, me falta amar, o que é bem diferente… Apenas preciso de alguém para admirar e depositar essa quantia de paixão… às vezes, cheio ou vazio, o cofre cai da cômoda e se quebra… Eu posso muito bem me abaixar e recolher os níqueis sentimentais… O bem-querer não desvaloriza.

Sinto sede de felicidade, fome de satisfação e gosto de boa-vontade, mesmo sentindo o cheiro desagradável da insegurança e do medo, apodrecidos em lembranças antigas e esparramadas pela minha memória…

Sinto que sou capaz de acreditar de novo, mesmo que a jurisprudência do meu coração diga que é causa perdida… Preciso tentar, até conseguir… Preciso, urgentemente, me sentir feliz!

Separada, superada, sem parada! Apaixonada novamente Dois filhos terríveis e lindos Buscando autoestima e autoconfiança Professora e aprendiz, sempre!