Você não merece o que estou sentindo.

Você não merece as lagrimas que derramei e a dor que senti.

1202888205_ce7cc2b02e_b

Você não merece o que estou sentindo.
Foi pensando em você que eu bebi tanto. Foi pensando em você que eu chorei tanto. Foi pensando em você que eu amei a tantos. Foi pensando em você que eu fiz todas essas loucuras que as pessoas com o coração partido fazem.
Sabe pra quê? Pra descobrir que a ressaca de amor continua quando a ressaca do álcool passa. Pra descobrir que as lágrimas nunca secam (eu já chorei mais litros do que imaginei possível). Pra descobrir que estar com muitos outros não acaba com a solidão de estar sem a quem queremos. Pra descobrir que as loucuras de amor só são bonitas quando se está apaixonado, mas não quando se está sofrendo.
E adivinhe: Você não vale isso.
Na verdade, estar com você e toda aquela alegria que sentia em sua presença não compensam a dor que sinto hoje porque, verdadeiramente, você não é realmente a pessoa que fingia ser quando estava comigo. Você não valeu meu tempo, minha dedicação e meus pensamentos. Não valeu a blusa que comprei que era da cor dos meus olhos pra ver se iria gostar nem aquele bolo de cenoura que fiz porque sabia que adoraria. Você não valeu sequer a água que gastei tomando banho pra sair com você. Não valeu a halls que comprei pra te beijar. (tudo isso perdeu todo o valor quando você foi embora).
Você não merece as lagrimas que derramei e a dor que senti. Não merece eu estar ainda pensando em você quando deveria estar fazendo projetos e seguindo em frente e buscando novos horizontes. Não merece que eu ainda esteja passando por isso.
Ou eu quem não mereço estar passando por isso.
E esse texto acaba aqui porque você também não merece as linhas que estou escrevendo pra você.
Agora vou me levantar, secar as lágrimas, lavar o rosto e passar um batom porque ainda tenho que ir a padaria e me comprometi a sair de casa todos os dias, já que li esses dias que coisas novas nos aguardam nas esquinas da vida.

Photo credit: George_Washington via Visual hunt / CC BY-NC-SA

** Clique no perfil da autora para visualizar mais textos. Boa leitura!

Leva a vida com leveza enquanto tenta ser psicóloga, poetisa e dançarina de valsa. É apaixonada por viagens para todos os destinos, gatos de todas as raças, álcool em todas as doses e homens de todos os tipos.